G.P.S.C. de Montargil
informação
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Tópicos similares
Últimos assuntos
» MUSEU ONLINE
Ter Abr 29, 2014 8:17 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Dom Abr 27, 2014 7:27 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Sab Abr 26, 2014 11:22 pm por lino mendes

» MUSEU OINLINE
Sab Abr 26, 2014 9:29 pm por lino mendes

» MUSEOLOGIA
Sab Abr 26, 2014 9:21 pm por lino mendes

» JORNAL DOSSABORES
Sex Abr 25, 2014 8:55 am por lino mendes

» LITERATURA
Ter Abr 22, 2014 9:36 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:33 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:31 pm por lino mendes

Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Rádio TugaNet
Geo Visitors Map
Agosto 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
CalendárioCalendário

Compartilhe | 
 

 festigil 2009

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
lino mendes
Admin


Número de Mensagens : 869
Data de inscrição : 27/06/2008

MensagemAssunto: festigil 2009   Ter Jul 21, 2009 12:47 am

Festigil 2009
Feira dos Produtos Locais da Tradição
e Outras Actividades Socioculturais

Ao som dos Foles

Espectáculo de luxo


Assim o considerou João Rato, quanto a mim no entanto excessivamente longo—três hors e meia—factor a considerar em futuras realizações. Cá estaremos de novo para o ano, muitos o disseram, mas a verdade é para o primeiro dia da FESTIGIL 2010 temos um diferente projecto, de que é prematuro falar por enquanto.

Noite de muito vento frio, terá afastado muita gente, ou fazendo com que alguns regressassem mais cedo a casa, mas no início do espectáculo estariam entre duzentas a trezentas pessoas, havendo espectadores que, mesmo embrulhados em mantas, estiveram seis ( ! ) horas nas cadeiras.

Houve momentos de grande qualidade, sendo que os participantes estiram aqui gratuitamente, e os que se deslocaram nos seus carros, o fizeram à sua custa. Sendo ainda que a maneira de receber continua a ser uma referência.

Antes do início e no stand do GP, procedeu-se ao lançamento do CD agora gravado pelo Rancho Folclórico e à apresentação do novo “ logotipo” do Grupo e respectivos sectores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



XXX Festival Nacional de Folclore
Regiões em desfile

Ano após ano, este Festival confirma-se como um hino à identidade portuguesa, de que a representatividade dos grupos convidados são desde logo um garante. Palco excelente, som de qualidade, pena foi que a iluminação do palco não estivesse em conformidade— ao que a organização foi alheia. Quanto ao resto, todos os condimentos necessários a um festival de qualidade.

O grupo anfitrião—o Rancho Folclórico de Montargil—abriu com o bonito folclore que resulta da conjugação da alma alentejana com a charneca ribatejana, a que se juntam ainda umas pinceladas dos tiradores de cortiça algarvios e dos “ratinhos” beirões em tempo de ceifa. Foi então a vez de um convite à elegância, através de modas como o Passe Katre, o Salto e Bico e Malverde, ou então à agilidade soprada por ventos ribatejanos, com as Chotiças, o Passe Largo ou Fandango. E como as actuações vão ter lugar por ordem de distâncias, damos um salto ao Alto Minho.
Connosco está o Rancho Folclórico da Casa do Povo de Lanheses,representativo de um espaço geográfico que se situa na margem direita do Rio Lima e enquadrado a Norte da Serra de Agra.É a alegria dos seus trajos, o ritmo dos seus cantares, a magia das suas danças. E vamos descendo no mapa do país…

Estamos agora na Beira Litoral, concretamente na Zona Vareira.É o Rancho Folclórico da Casa do Povo de Ílhavo, que nos traz os bem conhecidos temas “A Carrasquinha”, a “Real Caninha” e “A Farrapeira” No que respeita aos trajos, neste como nos restantes grupos, os mesmos são bem elucidativos das actividades em que eram usados.

Continuamos entretanto na Beira Litoral, mas agora na Região do Mondego, logo ali a dez quilómetros de Coimbra. São então as modas de roda, os viras e os verde-gaios que eram bailados nos largos da Igreja e do Senhor do Terreiro, nas eiras, soalheiros, fogueiras e romarias. Termos então o vira roubado e o verde-gaio de colunas traçadas e os dois passos.

E terminamos esta viagem por tradições da nossa terra, parando no Ribatejo, mais concretamente na Região do Bairro. É o Rancho Folclórico de Torres Novas, cuja representatividade se situa no norte do concelho. São os Fadinhos, os Bailaricos, os verde-gaios e os Fados, para mais não citar.

Estão de parabéns pelo Festival, oxalá os consigamos lá receber como aqui fomos recebidos, obrigado pela simpatia dos/as guias, são expressões que de ano para ano solidificam este festival como um grande acontecimento no mundo da nossa cultura tradicional
Nos 40 anos do Rancho Folclórico de Montargil, está em marcha o Festival 2010.

Entretanto foi-nos grato ouvir o senhor Presidente da Junta considerar o RFM como o exe-liber da terra, e o vereador luís Jordão anunciar a construção de um anfiteatro.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Animação de encerramento

É sempre difícil programar a “animação” para este dia, já que se pretende terminada antes do jantar. E o tempo nem sempre colabora…
No primeiro dia(sexta-feira)o vento e o frio foram terríveis, no sábado, sim, uma noite magnífica que levou ao festival cinco a seis centenas de pessoas. Entretanto e no domingo, após uma tarde de sol intenso seguiu-se um entardecer de vento frio. Mas quando pelas cerca de vinte horas o Grupo de Realejos de Montargil subiu ao palco, bastante gente estava no recinto, e houve quem ocupasse as cadeira não obstante o sol que ainda se fazia sentir.
Saúde-se entretanto a nova fase deste agrupamento, em minha opinião com a melhor formação de sempre.
E a terminar, a agradável surpresa do Grupo de Cantares Flor do Campo, de Alcáçovas, que se ouviu com muito agrado.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Gastronomia
Ao encontro dos sabores locais

Com”pratos” e “petiscos” da nossa “cozinha tradicional” aderiram os restaurantes e similares:
A MONTRA (Vila)
KATS BAR (Vila)
RAPOSO (Vila)
TROPICAL (Vila)
SOLAR DO OUTEIRO ( Viola)
CALDEIRA (Farinha Branca)
RETIRO DO MOCHO (Foros do Mocho)
PARQUE DE CAMPISMO (Pintadinho)

Nestes estabelecimendos, nos seus espaços habituais),estavam disponíveis as seguintes ementas; sopa de Cação/Frango na Púcara/Migas de espargos á alentejana/Carne frita c/migas de batata/Sopas de carne/Migas de coentro c/achega/Entrecosto frito/ Ensopado de borrego/Entrecosto c/migas de espargos;

Saladas de polvo/Petingas no forno/Pataniscas de bacalhau/Salada de polvo/Moelinhas/Salada de ovas;

Queijinhos de amêndoa/Gila/Pão de rala/Pudim de café/ Sericaia/ Arroz doce/ Bolo cigano;

Fruta da época

Toda esta animação foi da responsabilidade do Grupo de Promoção

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------_

Lino Mendes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Antonio Mendes



Número de Mensagens : 823
Data de inscrição : 24/07/2008

MensagemAssunto: Re: festigil 2009   Ter Jul 21, 2009 11:59 am

Dentro do possivel julgo que foi mais uma boa iniciativa.
O Grupo de Promoção promove as mesmas (neste caso em colaboração com a Junta de Freguesia) tendo como principal objectivo MONTARGIL, mas é lógico que por exemplo, o trabalho que se tem no bar é com o intuito de realizar algum dinheiro que ajudará nas despesas dos seus sectores. Mas para aqueles que lá andaram a trabalhar é triste quando se "descobre" que na NOITE DE DOMINGO PARA SEGUNDA assaltaram o bar levando de lá material e alguns produtos.
A mim por exempo dá-me vontade de perguntar. Valerá apena o esforço que se anda a fazer?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
festigil 2009
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Comentários] Tamashii Nations 2009 Autumn (Novidades).
» II Workshop Garagem Plastmania/Bossolani - Dez/2009
» P-40M Hobby Boss na 1/72 finalizado em 25/06/2009
» Bell 212 , Twin Pack. Finalizado em 26/11/2009
» Japan Expo 2011 - França

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
G.P.S.C. de Montargil :: Comunicação DIVULGAÇÂO :: Noticias de Montargil-
Ir para: