G.P.S.C. de Montargil
informação
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» MUSEU ONLINE
Ter Abr 29, 2014 8:17 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Dom Abr 27, 2014 7:27 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Sab Abr 26, 2014 11:22 pm por lino mendes

» MUSEU OINLINE
Sab Abr 26, 2014 9:29 pm por lino mendes

» MUSEOLOGIA
Sab Abr 26, 2014 9:21 pm por lino mendes

» JORNAL DOSSABORES
Sex Abr 25, 2014 8:55 am por lino mendes

» LITERATURA
Ter Abr 22, 2014 9:36 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:33 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:31 pm por lino mendes

Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Rádio TugaNet
Geo Visitors Map
Agosto 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
CalendárioCalendário

Compartilhe | 
 

 VIAGENS POR TERRAS LUSITANAS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
lino mendes
Admin


Número de Mensagens : 869
Data de inscrição : 27/06/2008

MensagemAssunto: VIAGENS POR TERRAS LUSITANAS   Qua Jan 28, 2009 7:20 pm

O Cantar das Janeiras





São muitos, hoje, os Grupos ( de folclore ou simplesmente informais) que fazem reviver as “Janeiras”,quer “reconstituindo”( no primeiro caso) quer “recriando”( no segundo).E fazem-no por vezes durante todo o mês de Janeiro o que nos leva a questionar qual o “espaço” que durante o mesmo cabe ao “cantar dos Reis”.E refira-se para completa compreensão que”reconstituir” significa” fazer o mais igual possível ao que originalmente se fazia, o que ´é” folclore”enquanto recrear já não exige nem possui tanta fieldade.





Certo que cada terra com seu uso… e que cada Sítio (permitam-me o uso do termo) é marcado pelas diferenças que nos caracterizam, mas creio que poderemos “explicar” as JANEIRAS como uma antiga tradição do nosso país que leva grupos de pessoas pelas ruas da terra ou pelos caminhos dos montes cantando de porta em porta o desejo de um movo ano Bom. Mas não só, porque por necessidade ou apenas pela festa, aguardando também a retribuição dos donos da casa.

Dinheiro nunca se dava, mas muitas vezes e porque tinha sido altura das “matanças” ,era alguma carne de porco que os “janeireiros” levavam.



Vamos cantar as janeiras

Vamos cantar as janeiras

Por estes quintais a dentro vamos

Às raparigas solteiras



Mas como a porta tarda em abrir-se…



Levante-se daí Senhora

Do seu banco de cortiça

Venha-nos dar as janeiras

Ou de carne ou de chouriça





Ou então (outro exemplo):



Viva lá o Senhor António

Raminho de bem-querer

Traga lá a chave da adega

Venha-nos dar de beber



De uma maneira geral as gentes da casa acediam, e então tinham direito a agradecimento:



As janeiras que nos deram

Deus será o pagador

Queira Deus que para o ano

Nos faça o mesmo favor



Mas também podia acontecer “não haver nada para ninguém”. Então…



Cantemos e recantemos

Tornemos a recontar

Esta barba de farelos

Não tem nada para nos dar





E parando hoje por aqui, julgamos deixar um “retrato”da movimentação de uma noite de “ cantar as Janeiras”Que eram cantadas no início do ano para dar as Boas Festas ( de 1 a 4 de Janeiro), as letras e as músicas são de origem desconhecida tendo cada terra as suas recolhas. A sua origem, popular, data ao período de 1890 a 1920.



Porque não encontrámos em Montargil quaisquer vestígios desta tradição, temos feito contactos com colegas que nos merecem a maior credibilidade.

No trabalho de hoje, algumas referências são de Paulo Vieira(Arcozelo).
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
VIAGENS POR TERRAS LUSITANAS
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
G.P.S.C. de Montargil :: Eventos, Recreação e Cultura :: Entrevista / Conversas-
Ir para: