G.P.S.C. de Montargil
informação
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» MUSEU ONLINE
Ter Abr 29, 2014 8:17 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Dom Abr 27, 2014 7:27 pm por lino mendes

» MUSEU ONLINE
Sab Abr 26, 2014 11:22 pm por lino mendes

» MUSEU OINLINE
Sab Abr 26, 2014 9:29 pm por lino mendes

» MUSEOLOGIA
Sab Abr 26, 2014 9:21 pm por lino mendes

» JORNAL DOSSABORES
Sex Abr 25, 2014 8:55 am por lino mendes

» LITERATURA
Ter Abr 22, 2014 9:36 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:33 pm por lino mendes

» O LIVRO
Ter Abr 22, 2014 9:31 pm por lino mendes

Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Rádio TugaNet
Geo Visitors Map
Agosto 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
CalendárioCalendário

Compartilhe | 
 

 O REALEJO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
linomendes



Número de Mensagens : 328
Data de inscrição : 16/06/2010

MensagemAssunto: O REALEJO   Dom Ago 28, 2011 8:12 pm

O REALEJO
Photobucket

Como instrumento precursor da HARMÓNICA, por aqui mais conhecida por Realejo, mas também por Flaita e Gaita de beiços, há quem considere o CHENG, um instrumento milenar que aparece na China 400 A.C. Mas no aspecto em que o conhecemos hoje, naturalmente com várias alterações no decorrer dos tempos, a sua existência inicia-se no ano de 1857,com Matias Hohner. Tem então o nome de Harpa de Boca e 10 furos.

Hoje, são inúmeros os modelos existentes, mas o mais comum são o Diatónico com 10 orifícios e tocando apenas as notas naturais e o Cromático com 12 e 16 orifícios, em todas as tonalidades.

Quanto a nós, não somos uma Orquestra de Harmónicas Cromáticas, somos, isso sim, um Grupo de Realejos Diatónicos. O nosso projecto está virado para a defesa das tradições, era a esta a qualidade e género que se tocava nos nossos bailaricos de antigamente, isto é, simples e com limitações. Hohe, os nossos tocadores usam um realejo com 2 filas de 24 buracos cada.
Tocamos sem qualquer preconceito de inferioridade com as melhores Orquestras de Harmónicas. Porque…cada coisa no seu lugar!
Uma última referência. O Realejo terá chegado a Montargil antes do Harmónio de uma escala, acabando por ser contemporâneo, assim pelo menos se presume.
Antes, e ao que nos dizem, teria sido a “guitarra portuguesa”.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
O REALEJO
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
G.P.S.C. de Montargil :: Tradicional e Popular :: Etnografia e Folclore :: Grupo de Realejos-
Ir para: